15
mar

“Como eu arrumo um emprego sem experiência?”

Ótima pergunta. Essa é uma situação do tipo “o ovo ou a galinha”. Qual vem primeiro e como conseguir um sem o outro?

 A realidade é que você não pode mentir no seu currículo, então não importa o que você coloque nele, se você não tem a experiência, isso não vai te ajudar. Se você já fez trabalho voluntário, ótimo, e você deve evidenciar qualquer trabalho voluntário relevante em seu currículo, mas isso raramente é um diferencial na procura por trabalho.

 O DIFERENCIAL É VOCÊ.

 Você vai ter que ser de certa forma, agressivo ao se vender. Vai ter que pesquisar mais do que aqueles que já têm experiência. Vai ter que mostrar o que você pode fazer, mesmo que você não tenha experiência. O ideal seria criar evidências de que você é uma pessoa interessada e capaz. Isso pode ser feito através de um blog, por exemplo. Ou falando, interagindo fortemente em fóruns e sites de mídia social que permitem demonstrar seu conhecimento.

 Pode ser difícil ser contratado a partir de seu currículo, então você vai ter de se empenhar para fazer com que as pessoas falem com você. Pense em marketing. De que forma você pode obter maior exposição e ter pessoas suficiente em seus perfis vendo o que você está postando e ouvindo o que você está dizendo? Esta é uma forma de verem o valor que você agrega, independentemente do que seu currículo diz.

Vamos usar o voluntariado como exemplo. Se você é voluntário, e adiciona isso ao seu currículo, pode pensar que vai fazer muita diferença. É um pensamento  ingênuo. O melhor de ser voluntário é usar essa oportunidade para gerar network e fazer mais contatos do que você tem agora.

Pense assim: Infelizmente, devido à sua falta de experiência (percebida ou real) você é o que menos tem chances, o concorrente menos favorecido para ganhar. Então, você tem que trabalhar mais. Tem que “falar mais alto” e provar que você pode fazer o trabalho tão bem feito quanto o candidato favorito.

Então, como você arruma um emprego sem experiência? Mostre aos empregadores que você está além do currículo. Você prova por meio de ações e redes de contatos que você pode fazer um trabalho, mesmo que você não tenha feito isso no passado. Você trabalha duro para provar a si mesmo no que for possível e, eventualmente, alguém vai notar.

Se você é um empregador à procura de um profissional de RH que se focou em benefícios, mas mergulhou os dedos dos pés em outras funções generalistas também e está pronta para assumir um papel generalista completo (na área de Chicago) envie um e-mail para mim e eu vou colocar vocês em contato. Ela está pronta, confie em mim.

Por: Sabrina Baker